Foto: ReproduçãoFoto: Reprodução

Quase dois meses após morte de Avicii, familiares e amigos próximos fazem funeral privado

O DJ Avicii foi encontrado morto em um quarto de hotel em Omã, no Oriente Médio, em 20 de abril. E só agora, quase dois meses depois, o seu funeral foi realizado em uma cerimônia íntima para familiares e amigos próximos em Estocolmo, na Suécia.

Siga o Fica Quietinho no Instagram

O velório aconteceu na última sexta-feira, 8, de acordo com a assessoria de imprensa do dono de Hey Brother. As informações foram liberadas apenas nesta terça-feira, 12, de acordo com a agência Reuters. Avicii foi sepultado em um cemitério em Skogskyrkogården, região ao sul de Estocolmo.

A causa de morte do DJ não foi oficialmente divulgada. Mas os comunicados da família revelaram nas entrelinhas que ele teria se suicidado, informações confirmadas por sites de notícias estrangeiros com fontes na polícia local.

A morte

Tim Bergling, nome verdadeiro de Avicii, sofria há anos com problemas de saúde. O excesso no consumo de álcool lhe rendeu uma pancreatite aguda. Em 2014, chegou a ser submetido a cirurgias para a retirada do apêndice e da vesícula biliar. Em 2016, o produtor anunciou sua aposentadoria como DJ e disse que não faria mais apresentações ao vivo. No começo de 2017, disse que estava voltando aos estúdios, mas nada foi lançado. Um dos seus maiores sucessos do jovem de 28 anos é o hit Wake Me Up.