Foto: Reprodução/Montagem FQ

Madonna, Celine Dion, Elton John e Beyoncé estão entre músicos mais ricos do mundo; veja top 10

Foto: Reprodução/Montagem FQ

Foto: Reprodução/Montagem FQ

A gente adora rankings. Nós nunca entendemos direitos como é que eles são feitos, mas amamos saber quem é mais rico, quem é mais pop, quem é mais isso ou mais aquilo. Hoje vamos falar de músicos que, se morassem no Brasil, seriam todos bilionários, ok?

O site Wealth X publicou um levantamento com a lista dos dez mais ricos do mundo da música. Nenhum deles tem menos de R$ 1 bilhão na conta bancária, mas só Madonna tem mais de R$ 2 bilhões. Tá bom para vocês?

Então, como já dissemos, a Rainha do Pop lidera a lista. A dona do hit Like a Virgin acumula R$ 2,04 bilhões em riquezas e vem seguida por Paul McCartney, dono de R$ 1,68 bilhão.

Na terceira posição, Dr. Dre samba na cara da sociedade. Ele pode passar no cartão de débito, à vista, R$ 1,65 bilhão. Um pouco mais pobre que ele está o produtor musical Sean Combs, conhecido na noite como Diddy. Ele tem no bolso R$ 1,63 bilhão.

Nós ficamos com bastante dó quando soubemos que Celine Dion, que ocupa a quinta posição, é dona de quase R$ 1,61 bilhão. E ainda tem quem diga que ela não curte My Heart Will Go On. Fala sério, hein?!

Bono Vox, do U2, chega em seguida com R$ 1,50 bilhão. Um pouco desafinada, mas ainda assim, muito rica, Mariah Carey é a sétima do ranking. A diva tem condições de gastar, em um segundo, R$ 1,32 bilhão.

Os três últimos colocados nesse top 10 são os mais “pobres”. Jay-Z é um deles, que acumulou R$ 1,3 bi na carreira de rapper e dono de gravadora. Na sua cola, mas com folga, vem Elton John. O cantor inglês pode gastar cerca de R$ 1,15 bilhão em plumas e paetês na hora que desejar.

Fechando a lista, a mais pobre entre todos é Beyoncé. A mãe de Blue Ivy só pode dar de presente para filhinha algo no valor de, no máximo, R$ 1,12 bilhão. Muito triste, né?