Foto: Reprodução/Facebook

Escrito por Sia, ‘Chained to the Rhythm’, single de Katy Perry, faz crítica política

Depois de Rise, música tema das Olimpíadas do Rio de Janeiro, no ano passado, ter se tornado um hino de superação, Katy Perry volta ao cenário musical com um tom mais político. Sua nova música, Chained to the Rhythm, traz em sua letra uma forte crítica aos rumos que as sociedades vêm tomando pelo mundo.

Siga @FicaQuietinho no Instagram

Escrito por Sia em parceria com Katy, o single lançado nesta sexta-feira, 10, chega em bom momento, com a classe artística dos Estados Unidos bastante envolvida em protestos contra as atitudes do governo de Donald Trump, por exemplo.

“Estamos surdos? Continue varrendo tudo para debaixo do tapete. Pensei que poderíamos fazer melhor do que isso, espero que possamos. Tão confortáveis, vivemos em uma bolha, tão confortáveis, não podemos ver o problema”, canta a californiana, que tem parceria de Skip Marley, neto de Bob Marley.

Curta o Fica Quietinho no Facebook

Vale também lembrar que o ativismo político de Katy Perry não começou agora. A cantora fez campanha para Hillary Clinton, candidata à presidência dos Estados Unidos em 2016. Tanto ela quanto Madonna publicaram fotos nuas em suas redes sociais pedindo votos para a democrata, lembram?

O lyric vídeo

Até o lyric vídeo de Chained to the Rhythm  faz bem um retrato da sociedade que Katy Perry crítica na letra da canção. Nele, vemos um hamster sedentário e apático que passa seus dias assistindo à TV. Na programação, um outro hamster, todo fitness, que se exercita. Porém, como sabemos, os hamster correm em suas gaiolas sem sair do lugar e nem chegar a lugar nenhum. Faz muito sentido, não?

Grammy 2017

Chained to the Rhythm já está disponível nas plataformas digitais, como o Spotify, por exemplo. A primeira performance de Katy Perry cantando o novo single é esperada para o domingo, 12, durante a cerimônia do Grammy 2017. A cantora já está confirmada entre as atrações.

Além dela, outros nomes também já estão confirmados para performances na premiação. Beyoncé, Bruno Mars, John Legend, Adele, Daft Punk, Carrie Underwood e The Weeknd são alguns dos artistas de peso prometidos para o próximo domingo. A apresentação será de James Corden.