Tom Hardy se irrita com pergunta sobre sua sexualidade em divulgação de Legend

Tom Hardy se irrita com pergunta sobre sua sexualidade em divulgação de Legend

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Tom Hardy estava lá em Toronto, no Canadá, de boas dando uma entrevista coletiva durante a divulgação de Legend, seu novo e violento filme, quando uma pergunta feita por um jornalista do Daily Xtra, uma publicação LGBT, o deixou um pouco, digamos, irritado.

• Curta o Fica Quietinho no Facebook

Segundo o Hollywood Reporter, o repórter decidiu questionar o ator sobre notícias que especulavam sobre sua “sexualidade ambigua”. O gancho para tal pergunta é o fato de que Hardy interpreta os gêmeos Reggie e Ronnie Kray, os dois maiores gângsteres de Londres, sendo que um deles era bissexual.

• Siga o @FicaQuietinho no Twitter

Foi ai que o astro de Mad Max: Estrada da Fúria decidiu mostrar ao rapaz que a entrevista era sobre seu trabalho e não sua vida pessoal. Claro, o clima pesou. “Do que você está falando?”, questionou o ator, confuso. O jornalista então citou uma reportagem da revista Attitude, publicada em 2008, na qual Hardy admite algumas experiências homossexuais quando era jovem. “Mas qual é a sua pergunta?”, insiste o Tom.

• Siga o @FicaQuietinho no Instagram

“Quero saber se você acha difícil para as celebridades falarem sobre sua sexualidade?”, rebateu o repórter. ” Eu não acho que seja difícil para as celebridades para falar sobre sua sexualidade. Você está me perguntando sobre a minha sexualidade?”, devolve o ator já nervoso. “Humm… é claro”, afirma o jornalista.

Foi aí que veio a melhor parte. Afinal, se Hardy era quem havia invertido as posições e agora fazia as perguntas, assim continuaria e então o ator mandou um “por quê?”. Sem resposta por parte do repórter, Tom agradeceu e pediu pela próxima pergunta aos presentes.

Segundo o site, o diretor Brian Helgeland e a atriz Emily Browning se mostraram bastante constrangidos com a reação de Tom Hardy na coletiva. Mas é como diz o ditado, né? Quem pergunta o que quer, ouve o que não quer…

No vídeo abaixo, do Festival de Toronto, mostra a conversa não muito amistosa do ator e do jornalista. Quem quiser ir direto ao ponto, adiante tudo para a partir dos 28 minutos.