Foto: Divulgação/TV Globo

Sandra Annenberg diz que criou saia justa na Globo ao questionar machismo na emissora

Foto: Divulgação/TV Globo

Foto: Divulgação/TV Globo

Não tem quem não ame Sandra Annenberg. Mesmo aqueles que não acompanham o Jornal Hoje, conhecem a jornalista que já passou por vários programas da Rede Globo e, inclusive, virou meme por diversas vezes nessa internet maravilhosa. E para conhecê-la ainda melhor, a revista TPM traz uma ótima entrevista com a moça que vale muito a pena ser lida.

• Curta o Fica Quietinho no Facebook

Entre os destaques da conversa ficam a história da volta de Sandra, em 2003, à bancada do JH após deixar de ser correspondente em Londres e também sua atuação como atriz vários anos antes, em cena de nu, ao lado de Edson Celulari.

Ao retornar ao Brasil, Sandra conta que foi a primeira a questionar o machismo no jornalismo da emissora. “Quando eu voltei, fui fazer o Jornal Hoje com o Carlos Nascimento. Isso em 2002, 2003. Nessa época, comecei a falar: ‘Mas por que só ele dá o primeiro ‘boa tarde’? Por que só ele começa dando a notícia mais importante do dia? Não seria isso um machismo?’ Ali criei uma certa saia justa, porque ninguém antes tinha ousado questionar isso”, revelou ela.

Sobre as cenas com Celulari, em 1988, na minissérie Chapadão do Bugre, exibida pela TV Bandeirantes, a ex-atriz, que interpretava uma prostituta, faz até uma piadinha. “Lá fui eu de Kombi de São Paulo para São João Del Rey, em Minas Gerais. Quando cheguei lá, o Walter [Avancini,  diretor] me perguntou: ‘Você já fez alguma cena nua?’ Eu respondi: ‘Nunca fiz uma cena, quanto mais nua!'”, diverte-se.