Foto: Reprodução

Reboot de ‘Power Rangers’ terá primeira heroína gay dos cinemas

Power Rangers – O Filme estreia nesta quinta-feira, 23, aqui no Brasil e a galera já está animada para conferir esse reboot. E a mais recente novidade sobre a produção é que Becky G dará vida a uma Ranger Amarela gay. Ela será a primeira heroína a representar a comunidade LGBT nos cinemas.

Siga @FicaQuietinho no Instagram

As informações são do site The Hollywood Reporter. Dean Israelite, diretor do longa, falou com a publicação e revelou detalhes da história. “Para Trini, ela realmente está se questionando muito sobre quem é. Ela ainda não entendeu muito bem o que está acontecendo. O que acho ótimo nessa cena e no que ela vai propiciar para o restante do filme é: ‘Está tudo bem’. O filme está dizendo: ‘tudo bem’ para todas as crianças que estão tentando entender quem são e querem encontrar sua tribo”, explicou ele.

Curta o Fica Quietinho no Facebook

Israelite se refere a um momento em que a Ranger Amarela reflete sobre problemas que tem com o namorado. No entanto, ela descobre que seus questionamentos têm a ver com uma garota e não com o rapaz. O direto classifica a cena como “fundamental” no projeto. Demais né?

David Yost, que interpretou o primeiro Ranger Azul da série dos anos 90, elogiou a iniciativa da Lionsgate. “Finalmente fizeram alguma coisa! Acho que muitas pessoas na comunidade LGBTQI vão ficar entusiasmadas por ver essa representação”, declarou o ator, que é gay e deixou o seriado depois de sofrer assédio por conta da orientação sexual.

Heroínas homossexuais

Power Rangers sai na frente de diversas produções que já poderiam ter incluído uma heroína gay na história do cinema. Personagens como a Mulher-Maravilha, Batgirl, Arlequina e outras mais representam a comunidade LGBT nas histórias em quadrinhos. No entanto, todas elas foram apresentadas como heterossexuais nas adaptações do universo Marvel e DC Comics para as telonas.

A Disney também deu um passo à frente nesse sentido com A Bela e a Fera. Um dos personagens do live-action que estreou na semana passada também se descobre gay durante a trama. Se você ainda não foi assistir a essa maravilha, corra!