Foto: Reprodução

‘Mais Forte que o Mundo’: a superação do mito José Aldo

Colaboração de Monaliza Pires*

Mais Forte Que O Mundo narra a historia do lutador José Aldo, desde o anonimato em Manaus, até as suas maiores conquistas dentro do octógono que geraram sua fama e o transformaram nessa lenda do UFC.

O elenco traz muitas estrelas globais e vários colírios. Para dá vida ao José Aldo foi escalado o galã José Loreto. Quem interpreta sua esposa é Cleo Pires. E seus pais são interpretados por Cláudia Ohana e Jackson Antunes. O elenco ainda conta com Paloma Bernardi, Felipe Titto, Thaila Ayala, Rômulo Arantes Neto, Milhem Cortaz e Rafinha Bastos.

Curta o Fica Quietinho no Facebook

José é um jovem periférico e sem expectativas de futuro, vivendo um drama familiar, sua mãe enfrenta violência doméstica por causa do seu pai alcoólatra. O sonho do rapaz é se mudar para Rio de Janeiro e começar uma vida nova. Através de um amigo, Loro (Rafinha Bastos), ele consegue ir para o Rio, mas chegando lá a realidade não é bem a realização do sonho. Além de dividir um quartinho no fundo de uma academia com o amigo e um senhor, Aldo ainda divide o trabalho com o amigo e precisa dar duro na limpeza do ambiente para garantir sua moradia.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Mesmo com um início difícil na Cidade Maravilhosa, é nela que o jovem José Aldo conhecerá as pessoas que mudarão o seu futuro. Entre elas, destacam-se seu chefe Dedé (Milhem Cortaz), que acaba se tornando seu treinador, e Vivi (Cleo Pires), uma moça que treina na academia e que, mais tarde, se casa com ele.

José Aldo aprende algumas lições antes de se tornar um campeão. Uma delas é entender a importância de lutar consigo mesmo e enfrentar seus próprios conflitos. Outra, é que briga não é luta.

A direção é de Afonso Poyart, assim como o roteiro, feito em parceria com Marcelo Rubens Paiva. A produção traz muitos efeitos especiais, uma fotografia sofisticada com cores quentes, e cenas filmadas com câmeras escondidas.

Siga @FicaQuietinho no Instagram

Os admiradores de UFC não irão se decepcionar. Tem muitas lutas – nas ruas e no octógono – e cenas maravilhosas de golpes em super câmera lenta. Ah, tem cena de briga entre galãs na chuva também. É um filme feito para agradar a todos os públicos. Tanto que a trilha sonora é bem eclética, vai desde Charlie Brown Jr até Lorde (saudades!), com uma versão de Everybody Wants To Rule The World (gravada pela cantora para trilha de Jogos Vorazes – Em Chamas). Resumindo, dá pra chamar a mãe, o pai, os tios, os primos e até a vó e ir ao cinema conferir de pertinho a história de José Aldo.

Mais Forte Que O Mundo é muito mais que um filme sobre MMA ou um sobre um lutador, é um filme sobre superação. É a história de um jovem pobre, com dificuldades familiares e conflitos pessoais, que encontrou no esporte uma saída para um destino incerto. José Aldo venceu a pobreza, enfrentou seus traumas, superou cada obstáculo de sua caminhada e se manteve forte, mais forte que o mundo, se tornando um grande campeão não só no octógono, mas na vida.

Este slideshow necessita de JavaScript.