Regina DouradoFoto: Divulgação/TV Globo

Famosa pelo bordão “Stop, Salgadinho!”, atriz Regina Dourado está em estado terminal

Quem é que não se lembra do famoso bordão criado por Regina Dourado, na pele de Lucineide em Explode Coração quando, cansada das trapalhadas do marido Salgadinho (Rogério Cardoso), gritava em alto e bom som “Stop, Salgadinho! Stop!”? Esta também foi uma das personagens mais marcantes da carreira da atriz que atualmente se encontra internada em um hospital em Salvador por conta de um câncer em fase terminal, segundo informou seu irmão Oscar Dourado.

Regina, que tem 59 anos, foi internada no último sábado, 20, e está sedada, respirando com ajuda de aparelhos. “Ela está num trajeto sem volta”, disse Oscar à Folha de S. Paulo, acrescentando que a atriz não gostava de mostras fragilidade diante da doença, da qual já havia se tratado em 2003.

Naquele ano, Regina havia descoberto e feito tratamento para um câncer na mama direita. Em 2010, a doença voltou e atacou a outra mama e ela voltou a se medicar. No entanto, neste ano, há alguns meses, os médicos lhe informaram de que havia ocorrido metástase e o cancêr tinha chegado à medula.

Com pelo menos 22 novelas na carreira, Regina Dourado começou a se destacar nas produções de Rede Globo a partir de 1993 quando atuou em Renascer, depois em Tropicaliente (1994) e conquistou de vez o público com Lucineide na trama de Gloria Perez em 1995.

Seu último trabalho na emissora foi em 2005, em outra novela de Glória Perez. Em América, dava vida a Graça, uma personagem que lembrava um pouco a sua famosa Lucineide. Na televisão, sua última novela foi Caminhos do Coração, na Record. No cinema foram pelo menos seis filmes, entre eles Corisco e Dadá. Em abril deste ano, a atriz interpretou Maria na peça Paixão de Cristo, no Teatro Castro Alves em Salvador.

E para quem quiser relembrar, eis uma cena com o bordão “Stop, Salgadinho!”: