Foto: Divulgação

“Eu teria vendido minha mãe por uma pedra de crack”, diz Tom Hardy

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Na semana de estreia de Mad Max: Estrada da Fúria – no qual intepreta o protagonista Max Rockatansky – o ator Tom Hardy decidiu abrir o jogo sobre seu passado no mundo das drogas e se revelou um ex-viciado em crack. “Eu tenho muita sorte de estar aqui”, disse o ator em entrevista à revista Essentials.

• Curta nossa página no Facebook

Essa foi uma das frases mais brandas que o bonitão disse nesta entrevista. Segundo Hardy, ele chegou ao fundo do poço e não tinha noção do que fazer para sustentar o vício. “Eu teria vendido minha mãe por uma pedra de crack”, disse.

Ao refletir sobre os dias ruins pelos quais passou, ele se classificou como uma vergonhosa estatística suburbana. “Me disseram claramente: ‘Se você for por este caminho, Tom, você não vai voltar. E isso é tudo o que precisa saber’. Essa mensagem ficou marcada em minha mente pelo resto de meus dias”, comentou.

Atualmente, o britânico está sóbrio e completamente livre de seu vício. E hoje (14) estreia no Brasil seu impactante Mad Max: Estrada da Fúria, assumindo o papel que pertenceu a Mel Gibson nos primeiros três filmes da franquia, lançados entre 1979 e 1985. Dê uma olhada em um dos trailers abaixo: