Foto: Reprodução

‘Eu não ia curtir, mas ia dar o maior apoio do mundo’, diz Roberto Justus sobre ter um filho gay

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Talvez a entrevista que Roberto Justus deu ao programa Raul Gil, no SBT, vá gerar um bom buzz e um pouco de polêmica também. É que o apresentador de O Aprendiz, pai de quatro filhos, foi questionado sobre como se sentiria caso um deles se assumisse homossexual e respondeu que “não ia curtir”.

• Curta o Fica Quietinho no Facebook

É claro que junto da resposta, o empresário emendou porém que iria “dar todo o apoio do mundo” ao herdeiro que revelasse tal orientação sexual. Uma resposta sincera e bem possível de se ouvir de qualquer pai minimamente consciente da realidade enfrentada por homossexuais. Justus é pai de Fabiana, Ricardo, Luiza e Rafaella, sendo a última sua filha com a apresentadora Ticiane Pinheiro.

• Siga o @FicaQuietinho no Twitter

Durante o programa, que irá ao ar neste sábado, 18, ele também comentou outros assuntos tensos. Um deles foi o fato de Adriane Galisteu, uma de suas ex-mulheres, ter dito que ele sempre foi muito mais vaidoso do que ela. “Se você perguntar pra ela hoje, ela vai dizer que se arrependeu de ter falado aquilo”, desconversou ele.

Justus também já foi casado com a apresentadora Eliana e hoje namora Ana Paula Siebert. Com a nova amada ele tem um acordo sobre novos filhos: irão pensar no caso somente daqui a cinco anos. Além disso, o apresentador foi só elogios ao falar da moça. “Ela é muito mais madura do que muita mulher que já conheci. Mulher tem que ter ocupação, tem que ter assunto. Eu exijo isso”, disse ele, segundo o site da Folha de S. Paulo.