Foto: Reprodução

Azelia Banks aceita acordo para se livrar de prisão por agressão em boate

Lembram que, há cerca de uma semana, falamos que Azealia Banks poderia ser presa a qualquer momento? Então, nesta quarta-feira, 15, a rapper resolveu esse problema comparecendo a uma audiência. No caso, prestou esclarecimentos sobre a acusação de ter mordido o peito de uma segurança de boate em 2015.

Siga @FicaQuietinho no Instagram

Perante o juiz, a cantora se declarou culpada pelos fatos. Isso, de certa forma, amenizou as penas que terá a cumprir. Azelia agora terá que passar por um programa de controle de raiva que durará 26 semanas. Além disso, ela também precisará prestar atualizações regularmente às autoridades competentes, respeitar a lei e evitar se envolver em novos conflitos, de acordo com a revista Billboard.

Rapper ainda pode ser presa

Caso venha a descumprir qualquer uma das exigências do acordo firmado, Azelia Banks pode ter a “condicional” revogada e voltar a responder por qualificações mais graves da acusação e ser presa.

Curta o Fica Quietinho no Facebook

E para quem não acompanhou a história, a rapper deveria ter comparecido a uma audiência que trataria o caso no dia 6 de março. Como não compareceu à sessão, o juiz decretou um mandado de prisão contra ela. Azealia alegou que se confundiu com as datas e ao falar com as autoridades no dia seguinte, conseguiu que o mandado fosse revogado. A nova audiência foi então marcada para essa quarta-feira, 15.